Desportiva/ES [BRA]

Atualizado em 20/10/2015
Nome Oficial Associação Desportiva Ferroviária Vale do Rio Doce
Fundação  17/06/1963
Status Atual  Em atividade
Endereço  Rodovia BR 262 Km 0
Bairro  Jardim América
Cidade  Cariacica
Estado  Espírito Santo
CEP  29140-501
País  Brasil
Retrospecto  Clique aqui para ver todos os campeonatos com participação deste time
Localização 
Telefone  (27)3236-0706/3236-1475
Apelido 
Mascote 
Uniforme 
Nome Anterior  Desportiva Capixaba
Nome Posterior  Desportiva Capixaba
Equipe Ranqueada  Desportiva
Grafia Orig. Oficial 
Site Oficial  http://www.desportiva.com.br/
Outros Sites 
Outros Sites 
Estádios  Alencar Araripe (Arena Unimed Sicoob ou Engenheiro Araripe), Cariacica/ES, Brasil
Alencar Araripe (Engenheiro Araripe), Cariacica/ES, Brasil
Kléber José de Andrade, Cariacica/ES, Brasil
Salvador Venâncio da Costa, Vitória/ES, Brasil
Histórico  O clube nasceu canarinho e com o nome de Associação Desportiva Ferroviária Vale do Rio Doce, em 17 de junho de 1963, como resultado da fusão de Vale do Rio Doce, Ferroviário, Cauê, Guarany, Valeriodoce e Cruzeiro, todos formados por ferroviários da Companhia Vale do Rio Doce. Em 1965 passou a utilizar as cores grená e branco.

Foi a própria diretoria da empresa que tomou a iniciativa de fomentar a união, pois seus funcionários viviam à porta dos diretores pedindo ajuda para os cinco clubes isoladamente.

Para incentivar a união, a companhia prometeu e depois cumpriu construir um estádio e doá-lo ao novo clube. Assim, surgiu o Estádio Engenheiro Araripe, em Jardim América, Cariacica (ES), hoje com capacidade para 25 mil torcedores.

Durante muitos anos, a Desportiva foi o primo-rico do futebol capixaba, pois além do patrimônio doado, a Vale do Rio Doce ainda pagava todas as despesas do estádio e descontava na folha de pagamento de milhares de ferroviários as mensalidades para o clube.

Como resultado, a Desportiva passou a ser um páreo duro para o antigo papa-títulos capixaba, o Rio Branco, e conquistou a maioria dos campeonatos disputados nas últimas quatro décadas no Espírito Santo, ao contrário do seu maior rival, que foi definhando a cada ano.

A história do clube começou a mudar quando a Vale do Rio Doce foi privatizada em 1996 e resolveu não apenas retirar todo o apoio como cobrar pelo estádio. Foi uma longa disputa, que envolveu mobilização de lideranças políticas, até que a empresa resolveu doar definitivamente o Engenheiro Araripe para a Desportiva.

Andando com as próprias pernas, o clube teve trajetória trôpega e nos últimos anos viu o título estadual ir para outros clubes e foi rebaixada para a terceira divisão no Brasileiro.

Nos seus 35 anos de história, a Desportiva sempre revelou bons jogadores nas suas divisões de base. As duas principais revelações do grená já vestiram a camisa da Seleção Brasileira: o meia Geovani e o ponta-esquerda Sávio. Ambos começaram nas escolinhas do clube de Jardim América. Geovani nasceu em Cariacica, pertinho da sede do Desportiva e foi lançado aos 16 anos no time profissional. É o maior ídolo da história do clube. Sávio deixou a Desportiva mais cedo, aos 14 anos, indo para o Flamengo, onde projetou-se a ponto de chegar à Seleção Brasileira. Há dois anos, transferiu-se para o futebol europeu. Em maio de 99 após longas negociações, a tradicional Desportiva Ferroviária anunciou o início de uma nova fase em sua história: a de clube-empresa, conforme a Lei Pelé, vendendo 51% de suas ações para o grupo Frannel, de derivados de petróleo, e passando a chamar-se Desportiva Capixaba S.A. Marcelo Villaforte, dona da Frannel, é o homem forte do clube.

Em Abril de 2011 a Desportiva Ferroviária, respaldada por decisão judicial, retomou o estádio Engenheiro Araripe, bem como o futebol profissional.

Fonte da evolução dos escudos: http://ferroviariaes.blogspot.com.br/2015/10/evolucao-dos-escudos-desportiva.html
Pesquisa da evolução dos escudos: Leandro Vieira Carlini
Presidentes  2011-2012: Robson Santana
2009-2010: Dominato Nascimento
2005-2008: Edvaldo Rocha Leite
2003-2004: Galileu Viana
2001-2002: João Marcos da Silva
1997-2000: Edvaldo Rocha Leite
1995-1996: João Linhares
1991-1994: Edvaldo Rocha Leite
1989-1990: Delson Régis
1987-1988: Carlos Alberto da Silva
1983-1986: Sérgio Vidal
1979-1982: Salustiano Sanches
1977-1978: Cristiano Collins
1975-1976: Carlos Augustus Pacheco
1971-1974: Donaldo Fontes
1969-1970: Antônio Pippi
1965-1968: José Himério
1963-1964: José Coradine
Hino 
Escudos na linha do tempo  Clique aqui para ver os escudos e sedes usados por este time na linha do tempo
Escudos Anteriores  Desportiva/ES [BRA] Desportiva/ES [BRA] Desportiva/ES [BRA] Desportiva/ES [BRA] Desportiva/ES [BRA] Desportiva/ES [BRA] Desportiva/ES [BRA] Desportiva/ES [BRA] Desportiva/ES [BRA] Desportiva/ES [BRA] Desportiva/ES [BRA] Desportiva/ES [BRA] Desportiva/ES [BRA] Desportiva/ES [BRA]
Uniforme 
Mascote